• Vila Nova de Gaia
  • |
  • 23 Abr a 22 Jun
  • i Exposições Temporárias

Metalkymist

Esculturas Sonoras de Steve Hubback

 

Para a exposição Metalkymist, Steve Hubback criou seis esculturas móveis penduradas no espaço vazio, uma das quais de grandes dimensões intitulada Chime Time, originalmente feita para um bailarino dançar nela e instalou, ainda, outras esculturas sonoras em movimento que o público é convidado a manipular.

Steve Hubback é de Barry, no Sul do País de Gales. Começou a aprender ofício do metal, a fazer gongos e címbalos, serralharia e soldadura na Dinamarca em 1990. Inspirado por sonhos, inventou e foi pioneiro na criação de esculturas de gongos e címbalos, em meados de 1990. Forjou o maior Gongo do mundo na Dinamarca, em 1992, um gongo 2,5 metros de aço de 4 mm de espessura. O seu trabalho tornou-se uma espécie de realismo mágico com mobiles de aço que ganham vida com a brisa e a luz. Sons maravilhosos (Wonderous Sounds) que emanam de metais forjados, como o bronze, a prata, o níquel, o aço ou o alumínio. Alguns músicos de renome mundial tocaram já as suas esculturas sonoras nomeadamente Evelyn Glennie, Paolo Vinaccia (do Terje Rypdal Trio) Paul Clarvis, Chris Whitten (que toca com Paul McCartney e Dire Straits) entre outros. Steve Hubback tem exposto o seu trabalho na Islândia, Noruega, Dinamarca, Holanda, Bélgica, Suíça, Republica Checa, Itália, Reino Unido e Portugal.

 
 
Esculturas Sonoras de Steve Hubback
Acções do Documento
 
 
Agenda
Março
Do
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31
« Março 2020 »
Newsletter