Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

sexta-feira, 6 Dezembro 2019
Secções
Máscaras da Ásia
 

i Exposições Temporárias

30 Nov a 26 Jan

Vila Nova de Gaia

Máscaras da Ásia

  • Vila do Conde
  • |
  • 14 Out a 25 Nov
  • i Exposições Temporárias

Salomé Lamas: Solo

 
Curtas Metragens CRL

Salomé Lamas procura diluir a suposta fronteira entre documentário e ficção. Interessada pela relação intrínseca entre narrativa, memória e história, utiliza a imagem em movimento para explorar o traumaticamente reprimido, o aparentemente irrepresentável ou o historicamente invisível, desde os horrores da violência colonial até às paisagens do capital global. A artista e realizadora apresenta na Solar um corpo de trabalho eclético composto por filmes, vídeo instalações e instalações sonoras.

SALOMÉ LAMAS: SOLO A programação da Solar – Galeria de Arte Cinemática, em Vila do Conde, tem, muitas vezes, como ponto de partida, as relações que a Curtas Metragens CRL vai criando nos diversos ramos da sua atividade. A propósito da aproximação, que se prolonga já por vários anos, à obra de SALOMÉ LAMAS, passando obrigatoriamente pelos seus primeiros filmes, a direção artística da cooperativa acaba por reconhecer o crescente interesse no seu trabalho, que se vai revestindo de várias facetas, da mais puramente cinematográfica à instalação em galeria ou museu. SALOMÉ LAMAS procura diluir a suposta fronteira entre documentário e ficção. Interessada pela relação intrínseca entre narrativa, memória e história, utiliza a imagem em movimento para explorar o traumaticamente reprimido, o aparentemente irrepresentável ou o historicamente invisível, desde os horrores da violência colonial até às paisagens do capital global. A artista e realizadora apresenta na Solar um corpo de trabalho eclético composto por filmes, vídeo instalações e instalações sonoras. Destacam-se obras inéditas como as instalações UBI SUNT III – 2017, UBI SUNT II – 2017 e Horizon noziroH – 2017, Autoretrato – 2016, para além das instalações a realizar a partir das obras UBI SUNT I – 2017, Eldorado XXI – 2016, Mount Ananea (5853) – 2015 e VHS: Video Home System – 2010/12. Mariana Silva é a artista convidada no âmbito do projeto CAVE.

 
 
Salomé Lamas: Solo
Acções do Documento
 
 
Agenda
Dezembro
Do
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31
« Dezembro 2019 »
Newsletter