Eventos

Public Event O Sr. Ibrahim e as Flores do Corão
Premiado pelo público no Festival de Almada, "O Sr. Ibrahim e as Flores do Corão", pelo Teatro Meridional, será apresentado no Auditório Municipal. Esta é uma companhia portuguesa que tem cativado o público de todo o país (e não só) e a cujo sucesso e qualidade o público da Póvoa de Varzim não tem sido alheio.
Public Event O Sr. IBRAHIM E AS FLORES DO CORÃO - Encerramento do VII Festival de Teatro de S. João da Madeira
“O Senhor Ibrahim e as Flores do Corão” é uma grande viagem humana sobre a importância dos valores e da relativização da própria vida, de cumplicidades descobertas enquanto se caminha, enquanto se acerta ou enquanto se procura, viagem iniciática, entre a Europa e o médio-oriente, uma proposta eterna de renovação social, uma grande história sobre a Tolerância e a Amizade.
Public Event O SUBSTITUTO / DETACHMENT, de Tony Kaye
«Quando se é confrontado verdadeiramente com problemas climáticos, quando a vida das pessoas se torna cada vez mais complicada com a evolução da crise económica, relê-se FAUSTO.» Aleksandr Sokurov em entrevista a Cyril Béghin, Cahiers du Cinéma
Public Event O Tangram
Através do corte de uma folha de papel quadrada formam-se as 7 peças do Tangram. Com imaginação, paciência e criatividade, poderás recriar figuras humanas, animais e objectos de diferentes formatos.
Public Event O Tangram
Através do corte de uma folha de papel quadrada formam-se as 7 peças do Tangram. Com imaginação, paciência e criatividade, poderás recriar figuras humanas, animais e objectos de diferentes formatos.
Public Event O Tangram
Através do corte de uma folha de papel quadrada formam-se as 7 peças do Tangram. Com imaginação, paciência e criatividade, poderás recriar figuras humanas, animais e objetos de diferentes formatos.
Public Event O Tangram
Através do corte de um quadrado formam-se as 7 peças do Tangram. Com imaginação, paciência e criatividade, poderás recriar figuras humanas, animais e objectos de diferentes formatos.
Public Event O Teatro Art'Imagem na Década de 80
Tudo começou em 20 de agosto de 1981. Um grupo de pessoas, empregados, professores e estudantes - uns vindos do teatro de amadores, outros com atividades político-sindicais e de animação cultural, resolvem formar um grupo de teatro a que deram o nome de Teatro Art´Imagem. Desde o início decidiram que se iriam profissionalizar, por isso apelidavam-se de companhia de teatro não-profissional.
Public Event O Teatro Baquet
Esta atividade que acontece no Arquivo Histórico todas as terceiras quintas-feiras de cada mês, pretende aproximar a cidade da sua história, trazendo para fora das estantes documentos caracterizadores da nossa memória e do nosso passado cultural. No dia 21 de Março, Manuel Araújo apresentará “O Teatro Baquet”.
Public Event O Teatro S. João
Apresentação pública de um documento do acervo do Arquivo, que pretende aproximar a cidade da sua História. Proporciona um contacto direto com documentos caraterizadores do passado cultural.
Public Event O teatro na Póvoa de Varzim
Conferência proferida por Humberto Fernandes onde serão abordados os artistas, os autores e as peças teatrais na Póvoa de Varzim.
Public Event O teatro Rivoli
Pedro Silva irá apresentar o documento do mês de setembro, subordinado ao tema “O teatro Rivoli”, a acontecer no dia 18 de setembro pelas 15:30h na Casa do Infante.
Public Event O Teatro vem ao Museu
Esta actividade recria no Museu um ambiente em que o público vai viajar no tempo e terá contacto, através de uma interacção muito pedagógica, com personagens que marcaram a história da humanidade de forma geral, e também com marcas ainda hoje visíveis na história da Maia. Para o efeito, dois períodos serão teatralizadas, o neolítico e a época romana. Tragam as vossas crianças para uma visita pela história de uma forma diferente e animada!
Public Event O TEMA DE JOLY
O maestro Pedro Neves tem dedicado muito do seu tempo ao estudo e edição da obra de Joly Braga Santos. É, pois, pela mão de um especialista que vamos ficar a conhecer em detalhe uma das grandes obras sinfónicas da música portuguesa neste concerto comentado.
Public Event O Terceiro Recordado
Como complemento da estreia absoluta de “O Dia de Todos os Pescadores”, a ASSéDIO promove a leitura encenada do inédito “O Terceiro Recordado”, onde um casal no domingo da vida, ao serão, tenta recuperar a memória de um amigo remoto e desaparecido. A terminar esta dupla jornada, lugar ainda para uma conversa com o autor, outra oportunidade para nos familiarizarmos com a corrosiva (e necessária) voz de Francisco Luís Parreira.
Public Event O Terrorista Elegante
Um homem está preso acusado de ligações a uma organização terrorista. As polícias e os serviços secretos investigam. Há indícios inquietantes. Um livro chamado “Minas e Armadilhas”, uma mulher irmã de um dirigente do Estado Islâmico. Charles Poitier Bentinho, o homem, angolano negro de 45 anos é culpado ou inocente? As polícias competem entre si mas entendem-se. O homem, que fala com os pássaros, sabe que em toda a terra há céu e que em todo o céu há pássaros.
Public Event O Tesouro
Public Event O Tesouro
Como pode alguém viver sem liberdade? perguntavam às pessoas do País das Pessoas Tristes. Então explicavam-lhes: naquele país as pessoas não podiam fazer o que queriam, nem podiam dizer o que pensavam. Até que um dia chegou em que as pessoas decidiram reconquistar o seu tesouro. O espetáculo vai-se desenrolando recorrendo a memórias, sobretudo sonoras, dos tempos do Abril de 1974. Com este espetáculo Pé de Vento assinala os 40 anos do 25 de Abril, com um texto que nos fala desse bem precioso que se chama liberdade.
Public Event O Tesouro
A Companhia de teatro Pé de Vento leva a peça de teatro «O Tesouro» ao auditório da Biblioteca Municipal. No mês das comemorações dos 40 anos da Revolução dos Cravos, e a partir do conto de Manuel António Pina, a peça recorre em diversos momentos a memórias esparsas e fragmentadas, sobretudo sonoras, dos tempos anteriores a Abril de 1974
Public Event O Tesouro
Costi (de 33 anos) leva uma vida tranquila. À noite, gosta de ler histórias ao seu filho de 6 anos, para o ajudar a adormecer. A sua história favorita é “Robin dos Bosques”. Costi vê-se como um herói, um justiceiro e defensor dos oprimidos. Um dia, um vizinho conta-lhe um segredo: que há um tesouro enterrado no jardim dos seus avós. Para o convencer a procurar, diz-lhe que irá dividir metade do tesouro com ele. Céptico no início, Costi não consegue resistir à tentação.
Public Event O Tesouro da Abissínia
Public Event O Texto a Meia Distância
Uma noite cheia de estrelas: Daniel Maia-Pinto Rodrigues (o poeta convidado); Pedro Lamares, Margarida Carvalho e Teresa Coutinho (leituras); Ana Celeste Ferreira (canto); Luís Guerra (dança); Renato Roque (fotografia). A noite fecha com a música, sempre surpreendente, da dupla Ana Deus & Alexandre Soares. Vão mostrar-nos o seu novíssimo projecto “Osso Vaidoso”. Tempo para recordar algumas versões dos “Três Tristes Tigres”. Prometemos: esta noite ficará gravada na sua memória.
Public Event O Touço
Public Event "O Trajar de Outros Tempos nas Terras Gaienses - Mafamude"
Public Event O Traje e o Trajar do Povo Português
Public Event O TRANSGRESSOR DISCURSO DO DESEJO
Oportunidade única de revisitar a obra de um dos nomes maiores da poesia portuguesa contemporânea – Maria Teresa Horta. Leituras pela actriz Teresa Coutinho e imagem da artista plástica Graça Martins. Participação especial de Miguel Ramalho, bailarino da Companhia Nacional de Bailado e uma das grandes revelações da dança. Na segunda parte, duas bandas de culto: Best Youth e Minta & The Brook Trout, o que de melhor se faz por cá na actual cena musical.
Public Event O triunfo de Baco - Oficina para famílias
Inspirados numa projeção presente na exposição "Douro [DWR] 3 solos entre céu e terra", propomos a construção de um mosaico com feijões alusivo à temática da produção do vinho e do Douro vinhateiro , com inspiração no estilo romano. Orientação por Sílvia Matos.
Public Event O Trombone
Dois actores recebem o público que vai assistir ao grande espectáculo: clownerie para 87 grandiosos cenários, 72 cenas de arrepiar os cabelos, 35 personagens arrasadores, 9 sinfonias incompletas, 3 actos e meio, dois actores e um Trombone. Na hora de começar o espectáculo os dois actores descobrem que o Trombone ainda não chegou. Ficam aflitos e, para ajudar a passar o tempo, os actores vão procurar as formas mais delirantes de entreter o público.
Public Event O TRONO SAÍU À RUA - PEÇA EM 12 CENAS E UM EPÍLOGO
Márcia e Leonel, a “Trupe Marcel”, um casal de comediantes que, nos finais do século XIX, ganha a vida através da nobre arte de representar. Acompanham-nos até 1910, onde se cruzam com monárquicos, republicanos, maçons, carbonários - uma galeria de personagens que nos ajudam a perceber como e porquê caiu a Monarquia em Portugal, mais cedo do que no resto dos países da Europa. Uma oportunidade para relembrar o nosso passado recente – a implantação da República.
Public Event O Turno da Noite
No próximo dia 15 de Maio, entre as 22h00 e as 03h00 da manhã, no Museu do Papel Terras de Santa Maria em Paços de Brandão, Santa Maria da Feira, decorrerá a 6ª edição de o Turno da Noite, este ano animado por alegorias às “vivências” operárias da antiga fábrica de papel. O Turno da Noite é uma actividade integrada na 6ª edição da « La Nuit des Musées », promovida pela Direcção de Museus de França, com o objectivo de atrair aos museus um público jovem que convive com a noite.
Public Event O turno da noite 2011
O Turno da Noite de 2011 proporcionará uma visita nocturna aos espaços do museu, antiga fábrica de papel onde o trabalho se organizava por turnos, e onde o silêncio da noite era preenchido por diferentes sons resultantes da “arte de fazer papel”. Com a presença da Orquestra de Jovens de Santa Maria da Feira, nesta noite, o visitante será surpreendido por uma outra arte: a de fazer música no papel.
Public Event O Turno da Noite
No dia 17 de maio (sábado), realiza-se no Museu do Papel Terras de Santa Maria, em Paços de Brandão, mais um Turno da Noite, no âmbito da Noite Europeia dos Museus 2014. Uma iniciativa que promove a aproximação do público ao museu, numa partilha de valores culturais e artísticos, que reforçam o reconhecimento de pertença e identidade de uma comunidade. No mesmo dia, o Museu do Papel comemora o Dia Internacional dos Museus, com a realização de visitas guiadas grátis às 15h00 e às 16h00.
Public Event O Turno da Noite
Na 11ª edição do Turno da Noite, o Museu do Papel volta a recuperar os hábitos de produção noturna das fábricas que já acolheu no seu edifício, recriando o "Turno da Noite" com visitas guiadas à luz de candeias e complementando essa oferta com performances que irão despertar o imaginário de cada um. O Turno da Noite é um evento temático, integrado no projeto Europeu "La nuit Européenne des Musées". Entrada gratuita.
Public Event O Turno da Noite - La Nuit dés Musées
No dia 18 de Maio, para comemorar o Dia Internacional dos Museus, terá lugar a 9ª edição do Turno da Noite, entre as 22h00 e as 03h00 da manhã, no Museu do Papel em Paços de Brandão, Santa Maria da Feira. Nesta Noite, os visitantes do museu poderão viver uma noite “imaginária”, que é a de visitar um antigo espaço de produção manufatureira e industrial de papel durante a noite, assim como serão “surpreendidos” por antigas histórias de um imaginário passado, ao longo de todo este Turno da Noite no museu.
Public Event O Ultimatum e a Revolta do 31 de Janeiro
Exposição bibliográfica para assinalar os 120 Anos da Revolta do 31 de Janeiro no Porto, primeiro movimento revolucionário que teve por objectivo a implantação do regime republicano em Portugal, e que teve como causa próxima, as cedências de Portugal ao Ultimatum britânico de 1890, por causa do Mapa Cor-de-Rosa, que pretendia ligar, por terra, Angola e Moçambique.
Public Event O ÚLTIMO A SAIR APAGUE A LUZ
Um espectáculo sobre Portugal e os portugueses é a última aventura de Óscar Branco, o humorista que dispensa apresentações! Uma louca viagem ao país real em 90 minutos, cheia de desabafos, proclamações e palpites, numa mistura insólita e explosiva que transforma os nossos medos e inquietações num espectáculo de humor corrosivo e quem sabe…numa verdadeira terapia de grupo.
Public Event O último a sair que apague a luz, com Óscar Branco
Óscar Branco, o inconfundível “homem do Norte”, apresenta uma comédia sobre Portugal e os portugueses, numa louca viagem ao país real em 80 minutos, cheia de desabafos, proclamações e palpites, numa mistura insólita e explosiva que transforma os nossos medos e inquietações num espetáculo de humor corrosivo e, quem sabe, numa verdadeira terapia de grupo. Desdobrando-se em sucessivos personagens, percorre a história do Homo “Tuga” desde o princípio dos tempos até aos nossos dias. Da política ao desporto, do terrorismo ao jet 7, do WC inteligente à falta de inteligência dos que vão ao WC, nada nem ninguém está a salvo.
Public Event "Ó ÚLTIMO A SAIR QUE APAGUE A LUZ" - ÓSCAR BRANCO | PORTUGAL
Um espetáculo sobre Portugal e os portugueses é a última aventura de Óscar Branco, uma louca viagem ao país real em 80 minutos, cheia de desabafos, proclamações e palpites, numa mistura insólita e explosiva que transforma os nossos medos e inquietações num espetáculo de humor corrosivo e quem sabe, numa verdadeira terapia de grupo. Da política ao desporto, do terrorismo ao jet 7, do WC inteligente à falta de inteligência dos que vão ao WC, nada nem ninguém está a salvo. É Oscar Branco e o seu humor ” à Porto” no FITCMaia.
Public Event O Último Baile
O senhor Cunha vai dar o último baile na sua mansarda! Devido ao mau feitio que tem, ele não queria, como nunca quis, mas a sua querida esposa, Eulália, é efetivamente quem manda lá em casa e, claro, os bailes vão acontecendo, sempre acompanhados pela sua sedução e alegria...
Public Event O último bom malandro
Um rapto. Um relato. Nove dias sequestrado e Heitor só se lembra do antes e do depois. Dos nove dias em que esteve raptado, não se lembra de nada! É uma reação do cérebro às reações penosas. O mesmo aconteceu com a sua irmã Rute. Esteve casada 12 anos com o Dálio e não se lembra nem da cara dele! Mas o que importa é que este é um relato de um malandro a um polícia malandreco. Esta é uma história de peripécias que se interligam com humor! O “Último bom malandro” é um homem digno de se conhecer!
Public Event O Último Turno
Espetáculo de teatro que envolve os grupos da cidade e cuja temática incidirá na chapelaria e no calçado enquanto principais atividades económicas da cidade.
Public Event O universo coreográfico de Jan Martens
Neste workshop, será possível descobrir o universo coreográfico de Jan Martens, através de exercícios que elabora com os seus bailarinos e de um mergulho no seu processo criativo. Este workshop foca-se em dois recentes trabalhos: o calmo e sensual “Sweat Baby Sweat” e o frenético “The Dog Days Are Over”.
Public Event O Urso Resmungão
Leitura em voz alta do conto de Steve Smallman | Era uma vez um Urso grande, rabugento e muito antipático. Certa manhã o Resmungão encontra o Coelhinho pendurado num ramo, a segurar uma estrela a cair do céu. O coelhinho está a tentar salvar todas as estrelas que encontra pelo caminho e precisa de alguém para o ajudar. Vem assistir a uma história enternecedora e divertida sobre a amizade, a partilha, a compreensão e o valor de um verdadeiro amigo.
Public Event O Valente Soldadinho de Chumbo
O Ginasiano Escola de Dança revisita mais um conto de Hans Christian Andersen na sua produção final de ano lectivo: “O Valente Soldadinho de Chumbo”. Trata-se de um espectáculo onde se procura mais uma vez promover o encontro de diferentes linguagens artísticas com a dança com o intuito de ir ao encontro de sentidos profundos, estimulando a imaginação do público e a ampla vivência expressiva dos alunos enquanto intérpretes-criadores.
Public Event O Valor Patrimonial do Portugal Gráfico construído pela Fotografia Editada (1934-1948)
A sessão “O Valor Patrimonial do Portugal Gráfico construído pela Fotografia Editada (1934-1948) ” pretende revelar os processos de edição e de exibição das imagens da visão progressista (as Obras Públicas como rosto da nação) e da visão culturalista (a Cultura Popular como autenticidade do povo esteta) que construíram a MetaImagem de Portugal no Estado Novo, e à qual atribuímos um valor patrimonial.
Public Event O Vampiro Argemiro
O Vampiro Argemiro de Dilan Camargo. Neste Sábado de manhã, vem ouvir a história de Argemiro, um vampiro azarado e cheio de surpresas que acaba num baile de carnaval participando de um concurso de fantasias.
Public Event O vaqueiro que não sabia mentir
O vaqueiro que não sabia mentir | Conto da tradição oral brasileira. Vem ouvir a mais uma história narrada pela contadora Adriana Dihl Moraes, o conto “O vaqueiro que não sabia mentir".
Public Event O Velho e a sua linda Nogueira
Com O Velho e a sua linda nogueira regressamos a um dos contos mais emblemáticos da obra que Álvaro Magalhães tem vindo a publicar desde 1982.A história conta-nos do velho Desgraça que engana a morte para poder viver eternamente com a sua linda nogueira e acaba por descobrir que, afinal, se enganou a si próprio. “Enganando a morte, enganei-me a mim e fui condenado a pisar a terra. Enquanto o mundo for mundo, aqui estarei para contar esta história. E como é longa a eternidade”.
Public Event O VENTO
O VENTO é um espectáculo com um formato dinâmico que convida à intervenção do público, antecedido por uma oficina criativa dirigida pelos próprios intérpretes que preparam os participantes para intervir directamente no espectáculo com acções performativas de expressão sonora, dramática, plástica e de movimento. Os participantes são chamados a tomar decisões que definem uma direcção e um desfecho para a história. Mais informações Tel. 22 200 6144.
Public Event O Verão Convida
A Câmara Municipal da Póvoa de Varzim preparou um programa em cheio para o verão 2018. De 13 de julho a 15 de setembro o díficil vai ser escolher. Este ano, temos um roda gigante e um carrossel infantil, mesmo à beira do Casino da Póvoa, que vão fazer as delícias dos mais novos. Mas não faltará música, concertos, desporto e moda. Durante este período há ainda a Feira do Livro, no Passeio Alegre e a Noite Branca que veste a cidade de branco. Todas estas atividades tornarão este verão inesquecível.
Public Event O viajante sem sono
O músico Samuel Úria regressa às “Quintas” para nos emulsionar com temas do seu incontornável disco “Nem Lhe Tocava”. A noite dá-nos ainda a conhecer a bem sucedida firma Louro & Lima. André Louro e João Lima cruzam as artes distintas do piano e da guitarra portuguesa, instrumentos de tradições e sonoridades diversas que raramente se misturam, para a criação de uma identidade musical única e original. O ciclo Quintas de Leitura é organizado pela Câmara Municipal do Porto através da FCD.
Public Event O VINIL está de volta!
A Biblioteca Municipal Almeida Garrett promove um novo serviço que se traduz na audição local para os amantes do vinil. Assim, a partir de Dezembro os leitores já poderão ouvir alguns dos compositores e intérpretes preferidos. Esta será outra forma de optimizar o serviço prestado pelas Bibliotecas que se afirmam como portas locais de acesso da população ao conhecimento através da consulta do seu fundo, independentemente do suporte.
Public Event O Vítor à descoberta do Sistema Solar
O Sistema Solar está diferente daquele que os adultos de hoje aprenderam quando eram crianças. O conhecimento evolui e a classificação também. Nesta sessão o Vítor e o visitante fazem uma viagem à descoberta do Sistema Solar. Ficam a conhecer melhor o nosso Sol, exploram todos os planetas principais e encontram ainda os planetas anões e os restantes corpos de pequena dimensão que existem neste sistema, tais como cometas e asteroides.
Public Event O Vítor vai à Lua
Uma "aventura" especialmente preparada para crianças, até aos 10 anos, que transmite informações sobre o céu nocturno e as suas estrelas, os planetas e a rotação da Terra.
Public Event O Vosso Pior Pesadelo
Dentro de uma jaula de rede, um cubo com metro e meio de lado, está um homem ajoelhado e com as mãos presas atrás das costas, cabeça baixa, vestindo uma espécie de macacão cor-de-laranja. Num canto da jaula, há um balde destinado às necessidades fisiológicas do prisioneiro. A jaula é iluminada por três focos de luz que para ela convergem e o cenário é ainda varrido pela luz de um foco em movimento, o qual, a espaços revela, a presença de barreiras de arame farpado.
Public Event O Vosso Pior Pesadelo
Dentro de uma jaula está um homem ajoelhado e com as mãos presas atrás das costas, cabeça baixa. Num canto da jaula, há um balde destinado às necessidades fisiológicas do prisioneiro. A acção decorre numa prisão de alta segurança e acompanha o dia-a-dia de violência a que é sujeito um prisioneiro especial acusado de terrorismo, um comediante que não chora nem se lamenta das brutais agressões de que é vitima, corporizadas pelo soldado e oficial que ficam atónitos com a sua atitude.
Public Event O VOSSO PIOR PESADELO
Dentro de uma jaula está um homem ajoelhado com as mãos presas atrás das costas, cabeça baixa. A acção decorre numa prisão de alta segurança e acompanha o dia-a-dia de violência a que é sujeito um prisioneiro especial acusado de terrorismo, um comediante que não chora nem se lamenta das brutais agressões de que é vitima, corporizadas pelo soldado e oficial que ficam atónitos com a sua atitude.
Public Event O Vosso Pior Pesadelo
A acção decorre numa prisão de alta segurança e acompanha o dia-a-dia de violência a que é sujeito um prisioneiro especial acusado de terrorismo, um comediante que não chora nem se lamenta das brutais agressões de que é vitima, corporizadas pelo soldado e oficial que ficam atónitos com a sua atitude.
Public Event O Vosso Pior Pesadelo
Dentro de uma jaula está um homem ajoelhado e com as mãos presas atrás das costas. Num canto da jaula, há um balde destinado às necessidades fisiológicas do prisioneiro. A acção decorre numa prisão de alta segurança e acompanha o dia-a-dia de violência a que é sujeito um prisioneiro especial acusado de terrorismo, um comediante que não se lamenta das brutais agressões de que é vitima, corporizadas pelo soldado e oficial que ficam atónitos com a sua atitude.
Public Event O Zé... Bota mas é!
Espetáculo de teatro de revista que promete encher de alegria o país. A um elenco de talentosos atores, cantores e bailarinos, aliam-se a um irrepreensível e deslumbrante guarda-roupa para dar vida a textos cheios de humor que proporcionarão momentos únicos de alegria e gargalhadas.
Public Event O Zepelim pôs um Ovo?
Após a divertida aventura de procurar os ovos da "Girafa", voltemos agora ao Museu em busca dos ovos que o Zepelim terá deixado na exposição COMUNICAR. Mas o que é o Zepelim e que fará ele no Museu? Quantas cores e sons terá? Seremos capazes de o encontrar entre códigos, discursos e meios de comunicação do antigamente? Em grupo ou Família vem daí experimentar mais esta aventura no mundo da comunicação. A atividade destina-se a grupos (mínimo 10 elementos) mediante inscrição prévia.
Public Event O.S. TECHNO
Public Event Oásis
Qual a nossa relação e consequente ocupação dos espaços? O Teatro do Frio (TdFrio) cruzou vontades e inquietações de nove criadores nacionais multidisciplinares que culminam sexta-feira, 29 de novembro às 21h, no Teatro Helena Sá e Costa, na estreia da sua mais recente produção, “Oásis”.
Public Event Oásis - Estúdio B
Public Event OBAX: Hora do Conto
Quando o sol desperta, OBAX percorre a savana africana com a sua imaginação. Ela conhece girafas e outros animais selvagens, mas o seu tempo preferido é contar histórias! Algumas delas são tão incríveis que mais parecem um sonho! Dirigidas a crianças com idades entre os 3 e os 5 anos, as sessões (gratuitas) realizam-se nos dias 5, 14 e 15 de maio. Informações: telefone 256 377 030 ou e-mail nucleopedagogico@cm-feira.pt
Public Event Teatro de Ferro - "Objecto Encontrado Perdido"
O espetáculo desenvolve‐se a partir das possibilidades que os corpos dos intérpretes encontram num conjunto de objeto recolhidos ao longo do processo de criação. A relação entre a ação e a música original assume um papel estruturante, numa dramaturgia em que se articulam corpos e objetos, mas também sonhos e pesadelos, memórias e enigmas.
Public Event Objecto Encontrado Perdido, Teatro do Ferro
O Teatro de Ferro propõe, nesta nova peça, a realização de uma investigação em torno da ideia geral de “objeto”. O ponto de partida desta peça é a noção de objeto-encontrado pelas marionetas, figuras e seres que servem de guias para esta busca do objeto. O público é convidado a embarcar nesta aventura que tem como cenário os lugares e os não-lugares onde a não-vida se faz animar pela vida e vice-versa.
Public Event Objectos que contam estórias
No âmbito da exposição temporária Museu de Santa Maria de Lamas: espaço de encontro entre arte e memória que assinala o Dia Internacional dos Museus (18 de Maio), este ano como o tema “Museus e Memória”, convidamos o público a “explorar” o Museu, descobrir a sua história, o seu fundador, assim como, as intervenções e as acções por este realizadas.
Public Event Objectos Sonoros Partilhados
ESPAÇO DE COMUNICAÇÃO MUSICAL ONLINE: FAZER MÚSICA EM CONJUNTO É uma rede de computadores que se assemelha a um chat room, mas musical. Enquanto visitante da Casa da Música pode comunicar com outras pessoas, mesmo sem partilhar o mesmo espaço, transmitindo mensagens musicais que são descodificadas por um sintetizador – e cria-se música em grupo.
Public Event Objectos Sonoros Partilhados
O que inicialmente foi uma exposição interactiva dispersa por vários espaços da Casa da Música transformou-se numa instalação em permanência onde o público pode e deve mexer em sistemas computorizados que transmitem e recebem sons. Através de computadores ligados em rede interna, e à semelhança do que acontece nos comuns sistemas de conversação online, os utilizadores interagem entre si, transmitindo mensagens musicais que são descodificadas por um sintetizador.
Public Event Objetivas no Museu: Conhecer, Explorar, Partilhar
Inserida na comemoração do Dia Internacional de Monumentos e Sítios 2015, esta visita temática pretende contribuir para a sensibilização do olhar fotográfico, bem como dar a conhecer o espólio do Museu e seu potencial. Os melhores trabalhos vão integrar uma exposição virtual em data anunciar. Material necessário: câmara fotográfica digital (reflex ou compacta). Destinatários: Público em geral (marcação prévia obrigatória | mínimo de 10 participantes | máximo de 25 participantes). Informações: telefones 227 447 568 e 916 647 685 ou e-mail geral@museudelamas.pt
Public Event Objetos recentes para realidades distantes
Num curto espaço de tempo, a tecnologia alterou muitos dos nossos hábitos quotidianos. Nesta exposição pretende-se revelar algumas dessas situações e compará-las através de objetos que, embora ainda presentes na nossa memória, caíram em desuso fruto da realidade do presente.
Public Event Objetoteca Popular Itinerante | TdF_ Teatro de Ferro
O que têm para contar um canivete suíço, uma música pop dos anos oitenta ou Moby Dick, a carrinha branca do Teatro de Ferro? A Objetoteca Popular Itinerante é ela própria um objeto híbrido - é a partir do encontro amoroso entre uma biblioteca itinerante e uma carrinha da feira que se faz esta performance da enciclopédia popular dos objetos do quotidiano. Objetos reais e irreais, materiais e imateriais apresentados juntos e ao vivo, como nunca antes foram vistos!
Public Event Oblique Rain
Os Oblique Rain nasceram em 2004. Depois do primeiro registo discográfico “Isohyet”, “October Dawn” é o título do segundo trabalho de originais dos Oblique Rain, que foi editado pela Major Label Industries em Outubro de 2009. A banda já partilhou os palcos com bandas consagradas como Anathema, Wako, Tarantula, Biomechanical, MOSH, Zatokrev, etc. Participou também em festivais como o Caos Emergente, Rock in Ria (Vagos), Velha Guarda Metal Fest e Gondomar WinterFest.
Public Event Obra gráfica
Public Event Obra Gráfica
Public Event Obra gráfica contemporânea
Public Event Obra Múltipla
A Galeria 111 sempre deu uma especial atenção à arte múltipla, devidamente numerada e assinada, tendo editado, ao longo dos seus 50 anos de existência, numerosas obras múltiplas dos artistas com quem trabalhou. Nesta exposição podemos ver obras dos artistas Armando Alves, Bartolomeu, Carlos Calvet, Lourdes Castro, Ilda David’, Luís Demée, Eduardo Luiz, Fernando Lanhas, Menez, Graça Morais, Palolo, Júlio Pomar, Paula Rego, Júlio Resende, José Rodrigues, Vieira da Silva, Nikias Skapinakis, Ângelo de Sousa, Arpad Szenes, Urbano e Zulmiro de Carvalho.
Public Event Obra Poética
Public Event Obras contemporâneas no Centro Histórico do Porto | Domingas Vasconcelos
«Não é já o tempo das demolições para "libertar" um monumento, atraiçoando quase sempre o seu caráter e esvaziando de sentido o espaço urbano. O progressivo conhecimento das intervenções efetuadas nos centros históricos das cidades europeias foi consolidando a consciência da relação de complementaridade entre monumento e tecido urbano e entre testemunhos de diferentes épocas, como condição essencial de preservação.» Álvaro Siza, 2000
Public Event Obras da Coleção de Serralves
As obras apresentadas nesta galeria usam a abstração para evocar ideias de coletividade e participação e como um meio para propor modos alternativos de perceção. Em cada obra, a ideia de um ponto de vista singular é substituída por múltiplas perspetivas que são históricas e culturais, além de visuais.
Public Event Obras da Coleção de Serralves
Trabalhando com materiais como a pedra, bronze, vidro e metal, Manuel Rosa explora as características dos materiais que usa, através de formas abstratas que atribui à sua obra uma certa dimensão simbólica.
Public Event Obras de arte na zona ribeirinha
Muitas são as peças de arte pública que ao longo dos anos vão sendo colocadas pela cidade. O itinerário proposto visa dar atenção a algumas destas obras de arte instaladas na zona ribeirinha do Porto, através dos seus autores, seus conteúdos e significados.
Public Event Obras de arte na zona ribeirinha
Muitas são as peças de arte pública que, ao longo dos anos, vão sendo colocadas na cidade. O itinerário proposto por Manuel Araújo, visa dar atenção a algumas destas obras de arte instaladas na zona ribeirinha do Porto, através dos seus autores, conteúdos e significados.
Public Event Obras de arte na zona ribeirinha
Muitas são as peças de arte pública que, ao longo dos anos, vão sendo colocadas na cidade. O itinerário proposto visa dar atenção a algumas destas obras de arte instaladas na zona ribeirinha do Porto, através dos seus autores, conteúdos e significados.
Public Event Observação do Sol
Todos os Sábados, venha conhecer as deslumbrantes maravilhas do Sol no Observatório do Centro Multimeios de Espinho. Aprenda como funciona um telescópio. Observe através do nosso telescópio principal e descubra ainda os nossos telescópios solares, especialmente concebidos para ver o Sol. Caso as condições atmosféricas sejam adversas esta actividade não se realizará.
Public Event Observatório - E Agora Eu Sou Galileu
O Centro Multimeios de Espinho associa-se ao Ano Internacional da Astronomia e complementa as suas habituais sessões de observação “Noites de Astronomia” com a actividade: "E agora eu sou Galileu", que se destina a recriar as observações de Galileu, pondo em destaque a sua importância para o conhecimento do Universo. No moderno Observatório do Multimeios, e com a ajuda de um potente telescópio podemos ver como o universo e os seus fantásticos objectos, são na realidade.
Public Event Obsessões
Public Event Obturama
Exposição Final dos Cursos CEF de Fotografia e Pré-impressão do Colégio Vieira de Castro
Public Event Exposição FELTRANDO
No âmbito do projecto ocupacional dirigido a indivíduos consumidores em processo de recuperação e de reinserção profissional, a Santa Casa da Misericórdia de S. João da Madeira, promoveu o “Projeto Trapézio com Rede”. Deste projecto resultou a acção FELTRANDO, dinamizada pela escultora Filomena Almeida, e que tem como protagonista o feltro. Todo o trabalho desenvolve-se na investigação possível dos conceitos e das tecnologias do feltro como resíduo industrial, assentes nos requisitos do Re-Design e do Design Sustentável.
Public Event OBVIAMENTE, DEMITO-O!
A peça que encerra o 3º Festival de Teatro tem como mote a frase mais importante do século XX Português. Criou o cataclismo que anunciou o fim do fascismo à Salazar. E ainda: rebuscando a minha memória, julgo que também foi esta a frase mais teatral dita em Portugal nos últimos 50 anos. O General Delgado tinha conseguido articular o poder de síntese – a dramaturgia, o momento e local de actuar – a encenação, e tinha compreendido o que iria agradar ao seu público – o povo português.
Public Event Octávio de Sousa e Silva
Pintor autodidacta natural da Maia – Porto. Viveu em Paris e Caracas, sendo que a estadia na América do sul, teve influência nas cores, na sua vivacidade, no seu calor e no imenso prazer de as trabalhar. Pinta uma combinação do representativo, do abstracto, do irreal e do inconsciente. A liberdade que transmite o desafio de uma tela em branco. Tem obras em colecções particulares nos Estados Unidos, França, Venezuela, Espanha e Portugal.
Public Event Oculoestórias e os Outros Sonhos - Oficina de construção de suportes literários
Nesta oficina poderás, a partir de textos literários (originais ou adaptados), criar pequenos espaços-cenografias, em caixas de pequenos segredos, sob a forma de ilustrações em 3D. Põe a tua criatividade à prova!
Public Event "Óculos de Sol"
Public Event Ocupa-te
O Município de Paredes vai promover, nas semanas de 8 a 12 e 15 a 18 de abril, o Programa “OCUPA-TE – Férias da Páscoa”, que tem como objetivo ocupar o tempo livre dos jovens munícipes do Concelho, com idades compreendidas entre os 13 e 18 anos, proporcionando-lhes um conjunto de atividades e experiências de carácter social, educativo, ambiental, desportivo, recreativo e cultural.
Public Event Ocupação Días Hábiles
Recebemo-lo há dez anos, numa mostra de companhias emergentes da cidade do Porto. Regressa agora ao nosso convívio depois de várias voltas ao mundo – e a si mesmo. Durante duas semanas, Alfredo Martins e seus convidados ocupam o Mosteiro de São Bento da Vitória com dois espetáculos, um documentário e duas oficinas, partilhando connosco uma década de aprendizagem e crescimento.
Public Event Ocupação Oliva: Máquinas a Trabalhar e Artistas XS a Criar em Família XL
Máquinas a trabalhar: o que move uma fábrica? Cabeça e corpo a criar: o que move um artista? Nestas oficinas para famílias vamos conhecer o processo e a criação artística. A cada terceiro sábado do mês o Centro de Arte Oliva convoca todos a ocupar o pátio da antiga fábrica e as salas de exposição para relembrar e ativar a memória da indústria e os processos criativos sempre diferentes! Em setembro seremos apanhados na rede.
Public Event Ocupação Oliva: Máquinas a Trabalhar e Artistas XS a Criar em Família XL
Máquinas a trabalhar: o que move uma fábrica? Cabeça e corpo a criar: o que move um artista? Nestas oficinas para famílias vamos conhecer o processo e a criação artística. A cada terceiro sábado do mês o Centro de Arte Oliva convoca todos a ocupar o pátio da antiga fábrica e as salas de exposição para relembrar e ativar a memória da indústria e os processos criativos sempre diferentes! Em outubro celebramos os 6 anos do Centro de Arte Oliva!
Public Event Ode Marítima
Leitura da Ode Marítima de Álvaro de Campos, por Pedro Lamares. Um dos mais desafiantes textos da poesia portuguesa. Uma viagem louca pelo Imaginário coletivo das viagens veleiras, pelo abismo da alma, pela crueldade no delírio. A leitura da Ode será integral, ao longo de cerca de 1 hora, despida de cenário e adereços. O texto, a voz e a luz.
Public Event Odeio este tempo detergente
Agenda
Outubro
Do
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31
« Outubro 2019 »
Newsletter